Corra, Lola, Corra: 5 tipos de caras para você fugir (deles)

Não, eu não sou muito de fazer listas. Até tento me guiar por alguma quando vou ao supermercado, mas, no meu caso, sempre acabo comprando além do que está escrito naquele pedaço de papel. Porém, para estrear aqui, decidi fazer uma listinha um tanto especial. São tipos de caras que, infelizmente, tive o (des)prazer de ter algumas experiências (sim, alguns foram mais de uma vez, não me julguem!). E o que eu posso recomendar para você, que adora um sexo bem gostoso, é fugir desses tipinhos. Corra, Lola, corra.

O cara que não chegava lá

corredor
Essa amostra de ser humano até que não é das piores, confesso. Mas se você, assim como eu, sofre com um pouco de ansiedade, vai ter que exercitar bem a paciência, isso porque esse tipo de cara não consegue gozar. Isso mesmo. A transa até que rolou numa boa, (eu me esforçando como uma louca para agradá-lo), mas 45min, 1h, 2h e até 3h depois, NADA. A fonte era literalmente seca. E o que parecia um parque de diversão com ticket sem limites para o carrossel acabou se tornando um verdadeiro túnel do terror.

O guarda de trânsito

guarda
Esse, sem dúvida, é um dos tipos que me incomoda muito. O cara simplesmente acha que manda bem em direção e por isso decide orientar todo o percurso. É um tal de “mais pra direita”, “mais pra esquerda, vai”, “agora mais rápido”, “é isso aí” que te enche o saco. Automaticamente você se pergunta: essa cara tá querendo ensinar abelha a fazer mel? É sério?

O FDP

piroquinha
Não, não é filho da puta. Nesse caso, o FDP é o cara com o pau Fino Demais e Pequeno. Sacou? O pior dessa espécie é que não tem muito o que fazer. É anatomia. Sabe aquela sensação de que algo não foi preenchido? É isso. O coitado do FDP sempre vai deixar espaços vazios.

O homenzinho torto

torto
Mais um sobre anatomia. Ok, é supernormal o pau pender pra esquerda ou pra direta, mas nesse caso, a seta era totalmente torta. O que foi bem desfavorável, porque tive que praticamente atuar como uma contorcionista para encaixar no dito-cujo. E o pior, senti uma dor esquisita com a forte cutucada daquele pau canhoto. Não é exagero não. É sofrimento mesmo. Então fique atenta(o), se deu de cara com um desses, você tem duas alternativas: ou corre ou se inscreve num curso de contorcionismo.

O videocassete

vhs
Provavelmente você já teve um videocassete em casa. Aquele aparelho que você encaixava uma fita grande para assistir vídeos. E sabe quando a fita não quer entrar naquele buraco e a solução é tentar enfiar várias vezes com toda força do mundo? Exatamente isso. O último tipo da lista era bem assim: zero delicadeza para adentrar na minha área, zero preliminares e zero tesão. Detalhe: esse cara tirou minha virgindade. Então, dá pra imaginar como foi, né?

#FicaDica: se tem algum cara aí que se encaixa em algum desses perfis, só um conselho: reveja bem o modo do seu desempenho transante, e mude, mude rápido! Evite ficar se perguntando porque as Lolas estão correndo de você e façam elas correrem pra você. Nada está perdido, man.

Lolli

Se tem uma coisa que a Lolli adora é fazer sexo e falar sobre isso. Ela acredita que compartilhar experiências e trocar informações sobre, ajuda as pessoas a terem suas vidas sexuais mais saborosas (uh, lá lá). O estilo baunilha - aquele sexo sem graça e romantizado demais – não combina com a Lolli, ela é admiradora de bdsm, fetiches, brinquedos eróticos e tudo que possa esquentar uma relação. Afinal de contas, se dizem que é a melhor coisa do mundo, então que realmente seja. Bem-vindo ao mundo da Lolli, uma ariana sem papas na língua e muito, muito apimentada. #lollipop

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *